AO VIVO

Paraná tem menos pessoas com dívidas em agosto; estado permanece como o segundo mais endividado do país

2023-09-11T19:35:10-03:00segunda-feira, 11/09/2023, 20:00|

O número de paranaenses endividados diminuiu em agosto, de acordo com dados da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) e da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná (Fecomércio PR), divulgados nesta segunda-feira (11).

Enquanto em julho 95,1% das famílias paranaenses possuíam algum tipo de dívida, em agosto este valor caiu para 94,6%. A média nacional de endividados ficou em 77,4%. Após meses na primeira posição no ranking nacional de endividados, agora o Paraná está pela terceira vez no segundo lugar da lista. O estado do Rio Grande do Sul agora está em primeiro lugar na posição.

A parcela de famílias com contas em atraso se manteve no estado. De acada dez famílias, quase duas estão endividadas. No ranking nacional de inadimplentes, o estado ocupa o 24º lugar, ainda que o número de famílias sem condições de pagar suas dívidas tenha aumentado de 5% para 5,7%.

O total do endividamento diminuiu, principalmente nas famílias com renda superior a dez salários mínimos, que geralmente são as mais endividadas. Nesta faixa de renda, o indicador baixou de 97,6% em julho para 95,8% em agosto. Entre as famílias com renda até dez salários mínimos o endividamento caiu de 94,5% para 94,3% na variação mensal.

O principal motivo para endividamento foi o cartão de crédito e o tempo de comprometimento com dívidas é em média de seis meses e meio, sendo que metade dos paranaenses compromete o orçamento por até três meses. No Paraná, o atraso no pagamento das dívidas gira em torno de 65 dias, sendo que nas famílias de menor renda o tempo de inadimplência é um pouco maior, de 68 dias em média.

Por Brenda Niewiorowski, com supervisão de Felipe Harmata

Ir ao Topo