Sete suspeitos de participar de uma associação criminosa em um esquema de revenda de carros foram presos em ação da Polícia Civil nesta quarta-feira (05), em São José dos Pinhais, Região Metropolitana de Curitiba. Mais de 60 pessoas foram lesadas pelos suspeitos. O prejuízo acumulado às vítimas, segundo a investigação, é superior a R$ 1,5 milhão.

Durante a ação, foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão em que foram apreendidos documentos e uma arma. Quem explica é o delegado Fábio Machado.

Os suspeitos foram indiciados por estelionato, associação criminosa e uso de documento falso.

O delegado pede para que as pessoas que foram lesadas busquem a polícia o quanto antes.