Por Andressa Tavares

O presidente da Assembleia Legislativa do Paraná, o deputado (reeleito) Ademar Traiano (PSD), declarou esperar que o Parana receba de Lula (PT), presidente eleito neste domingo (30), atenção e cuidado, acima das divergências políticas.

No Paraná, Lula recebeu 2.506.464 votos, 37,60%. O atual presidente do Brasil, e agora derrotado na urnas, Jair Bolsonaro (PL),  4.159.266, 62,40%.

No total, foram 2,01% de nulos, com 138.915 votos. Votos brancos representaram 1,39%, com 95.553 no estado.

Traiano é do mesmo partido do governador reeleito Ratinho Junior, que havia declarado apoio a Bolsonaro.

Após a confirmação de Lula para chefiar o Brasil a partir de 1° de janeiro de 2023, Ratinho se posicionou nas redes sociais.

“Hoje o povo brasileiro se manifestou. Agora é hora de continuar trabalhando, juntos por um Brasil unido e em paz. Pra frente, Paraná. Pra frente, Brasil.”, escreveu.

Foto: reprodução rede social