O prefeito de Guaratuba criticou a demora para divulgação da previsão de liberação da BR-376, na região de Guaratuba, no litoral do Paraná. O deslizamento ocorreu há dez dias e até o momento a concessionária que administra a rodovia, a Arteris Litoral Sul, não divulgou qualquer prazo.

“Não é possível que o engenheiro da empresa não saiba”, disse. Roberto Justus entende que a informação é extremamente necessária para que estratégias possam ser traçadas pelos sete municípios do litoral.

O prefeito falou, ainda, da demora para a travessia no ferry-boat – motoristas aguardam até dez horas para embarcar. O acesso é uma das alternativas com a interdição total na 376. Diante do posicionamento de Justus, a CBN buscou uma nota da Arteris Litoral Sul e aguarda retorno. Ouça a entrevista!