O número de ocorrências envolvendo o furto de cabos de fiação elétrica e de semáforos, em Curitiba, no primeiro semestre deste ano, cresceu significativamente na comparação com o primeiro semestre de 2021. Os dados foram divulgados pela Secretaria Municipal de Defesa Social e Trânsito a pedido da CBN Curitiba, na manhã desta quarta-feira (17).

Conforme o levantamento, entre janeiro e junho deste ano, foram registradas 322 ocorrências envolvendo o furto de fiação elétrica na cidade, número quase 90% maior do que o registrado no primeiro semestre de 2021, quando foram 170 ocorrências.

Em relação aos semáforos, foram 113 ocorrências contra 31 em relação aos seis primeiros meses de 2021.

O secretário municipal de Defesa Social e Trânsito de Curitiba, Péricles de Matos, diz que o aumento nos casos está relacionado ao melhor policiamento em regiões da cidade onde há maior incidência desses crimes.

As ocorrências de furto de cabos de telefonia e fibra óptica, somam 13 casos na capital paranaense.

Péricles de Matos frisa que essa situação teve maior incidência neste ano e que são feitas ações para tentar coibir esse tipo de crime.

O secretário faz ainda um apelo para que a população também denuncie caso observe algum tipo de furto desses materiais pela cidade, pois, mais do que o prejuízo aos cofres públicos, por exemplo, é a própria comunidade que pode ser prejudicada com isso.

Conforme a pasta, 39 pessoas foram presas em flagrante pela Guarda Municipal furtando ou receptando esses materiais, no primeiro semestre. No mesmo período de 2021, foram registradas 16 prisões.

Para denunciar essas ocorrências é possível ligar para o 153 da Guarda Municipal ou para o 190 da Polícia Militar.