A prefeitura de Curitiba informou que há expectativa de que novas doses da vacina contra a Covid-19 sejam distribuídas ao município ainda nesta terça-feira (18). A quantidade de imunizantes que será repassada não foi informada, mas deve contemplar doses da vacina Spikevax monovalente da farmacêutica Moderna.

A capital concentra apenas poucas doses do imunizante em duas unidades de saúde. Por enquanto, é possível encontrar as vacinas nas unidades de saúde Monteiro Lobato, no Tatuquara, e na Tancredo Neves, na Cidade Industrial, onde os imunizantes praticamente já acabaram.

A vacinação é destinada para pessoas do grupo prioritário que precisam do reforço semestral, como pessoas com 60 anos ou mais, gestantes e mulheres no pós-parto. Ainda há aplicação para pessoas do grupo prioritário que necessitam receber doses anuais dos imunizantes.

Nesse caso, as doses são direcionadas para trabalhadores da saúde, pessoas em situação de rua, pessoas com comorbidades, deficiência, indígenas, ribeirinhos, quilombolas, moradores ou funcionários de instituições de longa permanência e pessoas ou funcionários do sistema de privados de liberdade.

Na última remessa, a capital paranaense havia recebido pouco mais de 30 mil doses da vacina. A médica Camilla Pereira explica de que maneira funciona a imunização da nova vacina. Ela é responsável por proteger contra uma nova subvariante do vírus que causa a Covid-19.

A Secretaria Municipal de Saúde informou que a média diária de aplicações, é de mil doses. O desabastecimento das vacinas é nacional e os imunizantes são distribuídos pelo Ministério da Saúde, que envia as doses para os estados, que encaminham para os municípios. A médica explica a importância da vacina.

Até então, a previsão é de que o recebimento de um novo lote do governo federal acontecesse no início desta semana. A profissional indica que os imunizantes antigos seguem protegendo contra as variantes antigas, mas que a nova vacina é necessária para que o organismo fortaleza a defesa contra novos tipos da doença.

A Secretaria Municipal de Saúde informou ainda que as vacinas para bebês estão com estoques regularizados e continuam disponíveis em 106 unidades de saúde para crianças de 6 meses a menores de 5 anos, segundo calendário nacional de vacinação. Os locais de aplicação estão disponíveis no site Imuniza Já Curitiba.