O Ministério Público do Paraná ofereceu denúncia contra três pessoas, que devem ser responsabilizadas pelo acidente na BR 277, ocorrido em agosto de 2020, na região de São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba. Um dos denunciados é o motorista de um caminhão que trafegava acima da velocidade permitida e atropelou pessoas no local do acidente. Outros dois funcionários da concessionária que administrava o trecho na época também estão no processo. Oito pessoas morreram e pelo menos 20 ficaram feridas. O acidente envolveu 16 carros, cinco motocicletas e um caminhão.

O advogado Luis Gustavo Janiszewski, que representa várias das vítimas deste acidente, afirma que os envolvidos devem responder criminalmente.

A expectativa é pela sentença e responsabilização pelas mortes.

Na época do acidente, testemunhas ouvidas no inquérito policial relataram baixa visibilidade no local da batida, por causa da neblina e da fumaça causada por uma queimada na região. Dados do Corpo de Bombeiros do Paraná mostram que o número de incêndios florestais na região de São José dos Pinhais tinha aumentado em 270,37% no segundo trimestre de 2020, em comparação com o mesmo período de 2019. Nos meses de abril, maio e junho de 2019 foram registradas 81 ocorrências de incêndio em vegetação, já no mesmo período de 2020, foram 300.