A Justiça Eleitoral do Paraná começa na segunda-feira (17) a preparação das urnas para o segundo turno das eleições. Os trabalhos vão até o dia 25 de outubro.

As cerimônias públicas nos 154 fóruns eleitorais podem ser acompanhadas por qualquer pessoa. Em todo o estado, as zonas eleitorais vão preparar, testar e lacrar 25.856 urnas. Na véspera das eleições, elas serão distribuídas a 4.768 locais de votação nos 399 municípios.

Em Curitiba, dez zonas eleitorais preparam 3.984 urnas eletrônicas de 415 locais de votação.

As cerimônias de preparação acontecem no Fórum Eleitoral da capital, que fica na Rua João Parolin, 55, no Prado Velho.

São duas etapas de preparação das urnas: Geração de Mídias e Carga e Lacração.

No segundo turno, são geradas as seguintes mídias:

1) Mídia de resultado de votação: armazena os arquivos com os votos da seção, enviados para a totalização;

2) Mídia de Resultado Múltipla: inicializa quatro sistemas presentes na urna:

Sistema de apuração;

Recuperador de dados (RED);

Verificador pré e pós-eleição, usado, por exemplo, em auditoria das urnas;

Autoteste, que verifica o funcionamento das urnas.

Depois disso, as equipes da Justiça Eleitoral inserem as mídias nas urnas, que ficam prontas para a eleição. A partir da lacração, os equipamentos não podem mais ser modificados.

Partidos políticos, federações, coligações, Ministério Público e Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) são convocados para acompanhar esse procedimento. As entidades fiscalizadoras devem conferir os dados das urnas e a integridade e autenticidade dos sistemas eleitorais.

Com informações da assessoria