A forte chuva em Curitiba na tarde desta segunda-feira (16) causou pontos de alagamento em várias regiões da cidade.

De acordo com a Defesa Civil Municipal, houve pedidos para atendimentos nas ruas São Maximiliano Maria Kolbe e Jornalista Emílio Zola Florenzano e Avenida Santa Rita de Cássia dos Impossíveis, no Tatuquara; Rua Waldemar Orso, no Campo de Santana; dois pontos na Rua Ourizona, no Sítio Cercado; Estrada Velha do Barigui e ruas Deputado Edmar Luiz Costa e Edgard Moutinho Zandoná, na Cidade Industrial de Curitiba.

A Defesa Civil ainda recebeu um chamado para risco de desabamento na Rua José Ribeiro Baptista, no Campo de Santana, mas não informou qual era o tipo de estrutura danificada. Também houve queda de árvores, com oito solicitações de atendimento nos bairros CIC, Mossunguê, Tatuquara e Campo do Santana. Foram quatro solicitações para fornecimento de lona para moradores da Cidade Industrial de Curitiba, conforme boletim divulgado às 18h.

Entre 16h30 e 18h, a chuva atingiu 46 milímetros em estação pluviométrica no bairro Umbará, mas com registro de fortes chuvas em vários pontos da cidade. As rajadas de vento chegaram a 29,5 km/h, conforme verificação na estação do Simepar no bairro Jardim das Américas.

Não há registro de feridos, desabrigados e desalojados. Quem precisar de ajuda deve entrar em contato pelos telefones: 199 (Defesa Civil), 153 (Guarda Municipal), 156 (Prefeitura Municipal de Curitiba), 193 (Corpo de Bombeiros).

Com informações da assessoria