O Athletico reencontrou o caminho das vitórias no Brasileirão e na temporada. Na noite desta quinta-feira (13), o Furacão bateu, de virada, a equipe de Criciúma pelo placar de 3 a 1 e deixou o gramado da Ligga Arena como o 3º colocado do Brasileirão. Mastriani (duas vezes) e Tomás Cuello (este quebrando um jejum de mais de um ano sem balançar as redes) marcaram os gols que deram a vitória ao time paranaense. Barreto, no início do jogo, marcou o gol dos visitantes, que seguem em má fase no torneio.

O 1º tempo foi movimentado. Ainda que dominante, o Athletico saiu atrás do marcador. Em lance brigado, aos 8 minutos, Éder ganhou de Thiago Heleno, cedeu passe para Barreto que finalizou na trave. No rebote, ele ganhou na corrida de Léo Linck e colocou o Criciúma em vantagem. O Furacão, ainda sim, seguiu melhor e rapidamente empatou. Aos 22, Mastriani aproveitou cruzamento de Bruno Zapelli e a saída ruim do goleiro Gustavo e estufou as redes. Depois, o jogo seguiu bem disputado e com o empate prevalecendo no marcador.

Tal como foram os primeiros 45 minutos, o 2º tempo também foi agitado na Ligga Arena. Pressionando em busca da virada desde o início, o Athletico tomou a dianteira no marcador aos 9 minutos. Christian fez belo lançamento na cabeça de Madson, que colocou a bola na pequena área. Também de cabeça, Mastriani tocou e anotou o seu segundo gol na noite. Em seguida, o Athletico chegou a mandar duas bolas no travessão, uma com Mastriani e outra com Cuello. E seria exatamente deste argentino o gol que definiu o jogo. Ele aproveitou uma sobra de bola e, na cara do goleiro, não desperdiçou.

Cuello não marcava um gol desde o dia 11/02/2023, quando anotou também um terceiro gol de uma outra vitória do Athletico por 3 x 1. Aquela havia sido contra o Operário, na campanha do título estadual. O resultado positivo faz com que o Furacão mire o retorno a ponta do Campeonato Brasileiro no jogo contra o Flamengo, no próximo domingo (16), às 16h, também na Ligga Arena.